Crônica de um cidadão

Porque a Petrobras "tem" que ser diferente? Um imenso polo politico e sugador de nossas finanças...até quando?

Petrobrás, o maior lucro da história, R$ 52,3 bilhões em impostos, investimentos de R$ 18,4 bilhões, pagou R$ 5,6 bilhões de dividendos aos acionistas e descontando tudo isto o lucro foi de R$ 17 bilhões. Banco do Brasil lucro recorde de R$ 2,3 bilhões Caixa Econômica Federal lucro inédito de R$ 1,6 bilhão (49% maior que o ano passado) Furnas foi de R$ 550 milhões de lucro (2002) para R$ 850 milhões (2003) Eletrobrás, estimado em 20% maior que 2002 R$ 1,1 bilhão. Companhia Docas de São Paulo com lucro líquido de R$ 3,3 milhões (revertendo os prejuízos anteriores) Os maiores bancos comerciais com lucros estratosféricos, além da competição desencadeada por aquisições de outros bancos.

Será que estamos no mesmo Brasil? Aquele que acordamos todos os dias e saímos para matar um leão por dia para ao final do mês conferirmos se faltou ou sobrou mês, em nossas contas?

Ao produzimos algo incorremos em custos pela decisão de fazermos e vendermos, além de todo um custo fixo que já existe, no caso Petrobrás a administração eficiente da empresa juntamente com esferas governamentais, resolve explorar de outra forma: toma-se as bases internacionais, determina-se os preços ao consumidor (que não tem base nenhuma de custo) e o excesso de arrecadação exibe-se ao mundo como excelência de administração; será que somos consumidores tão ignorantes assim? Sem conhecer a estrutura organizacional da empresa com certeza a empresa não remunera seus funcionários com salários internacionais ou comparáveis aos custos dos paises que foram usados como referencia, a matéria prima (petróleo) é quase 100% brasileira, em resumo extração e custos não são comparáveis, portanto é pura “engenharia financeira em detrimento do consumidor”.

Quanto custa a gasolina no USA? US$ 1,00 o galão??? ~ R$ 0,90 / litro??? (pagamos hoje R$ 2,00/litro) se a base é custos em US$ onde esta a explicação? - pura exploração do consumidor e canalização de recursos para a Petrobrás!!! O mesmo raciocínio se aplica aos geradores de energia elétrica, com todas as desculpas possíveis em relação a custos, os aumentos verificados ultimamente assim como o seguro apagão, tudo se reverte em um crime onde os seres viventes deste país não têm para onde fugir nem contestar simplesmente é “goela abaixo”.

Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, de geradores de mazelas passam a excelência de administração e resultado, será?? Em nome da taxa de juros monitorada pelo banco central os “spreds” são escorchantes, juros acima de 100% a. a., comparando-se com a inflação anual, onde está a explicação?


Bancos comerciais, como continuamos assistir tamanha afronta a economia de produzir algo, os bancos vão lá fora, fazem empréstimos em dólar ou euros, com taxas anuais de 3,5% a. a., trazem fortunas para cá e emprestam a 130 / 160% a. a., não tem nada de errado ai? Os bancos não produzem nada, apenas fazem estoque de dinheiro e os vende depois de tomarem “todas” as garantias possíveis.

Não existe uma cidade, até bairros em grandes centros, onde não presenciamos trocas de bandeiras dos bancos, reformas, novas agencias tudo em nome do melhor atendimento, já paramos para examinar quantas taxas nos são cobradas, pelos bancos, em nome de uma economia de mercado? A ganância bancaria é tanta que os custos de operação são pagos pelo que se arrecada com as taxas, o spred dos empréstimos é ganho puro. Um terminal de atendimento eletrônico custa por volta de US$ 16.000, quantos destes vemos a nossa volta? Será que devemos continuar cegos e calados? Até quando vamos permitir estes lucros estratosféricos, será que nesta área convivemos com economia de mercado?

Porque será que as grandes montadoras têm bancos com sua marca? Venda de dinheiro em forma de automóvel?? Como que um empresário consegue navegar neste mar de custos irreais?

1. A CLT passou a ser um verdadeiro entrave onde o funcionário leva menos de 50% do que ele custa.
2. O capital de giro com pressão bancaria de taxas irreais
3. Os custos dos insumos com base em moeda externa que muitas vezes não seria a base de calculo para custos e preços. Que economia é esta? Onde o fruto do trabalho tem destino certo e restrito? Que distribuição de renda é esta, onde o poder do dinheiro se transforma em Lobby para garantir a sua perpetuação? Os preços são internacionais (FMI?) mais taxas e impostos generosos, porém a renda é sul-americana e concentrada!!!

Reforma Tributária... Quando compramos algo, o custo está distorcido e para completar a maior cadeia de taxas e impostos do mundo é adicionada!!!

Reforma Previdenciária... Da arrecadação “toda” 80% é para pagamento dos inativos do serviço publico, que contribuem com quanto? Mais licenças premio, etc....

Reforma do Judiciário... Será que nesta área não podemos falar em produtividade? E quanto a estes mortais que usufruem férias “um pouquinho maior que os da iniciativa privada” e salários...?

Ser cidadão, pagar impostos e taxas será que temos a contribuição em serviços que deveríamos, em nome do emprego será que a proporcionalidade de postos públicos tem a haver com o serviço prestado e o que é arrecadado?

Em Paris, onde o serviço publico tem analise de performance, prestação de contas, metas, existe cobrança férrea da população, aqui não se da espaço para este tipo de cobrança (a matança de leões diários, não deixa), onde queremos chegar?

Distribuição melhor de renda, emprego, saúde, educação, temos todos estes sonhos, mas se algo não acontecer com relação e esta concentração de renda, muitos anos vão passar até o dia que o sangue latino que esta adormecido poderá ferver em uma cadeia que começa nos morros onde o domínio já sabemos como funciona. Waldomiros, Bingos, Bangus, Coronéis, Fernandinhos, é somos reféns, de um lado Banqueiros de dinheiro, do outro, Banqueiros do narcotráfico e jogos e do outro o próprio governo sedento para arrecadar para pagar a “máquina”, espero que um dia cheguemos lá e nossos filhos e netos não estejam reclamando das mesmas coisas.

Qual é nossa classificação mesmo no ranking mundial da corrupção?????

Gilmar de Almeida – www.gaconsult.com.br.

"Primeiro eles ignoram-te, depois, riem de ti, depois, combatem-te e depois tu vences"....Gandhi

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.