Comunicação: a principal ferramenta na designação de tarefas

A designação de tarefas é peça central para que os bons resultados da equipe sejam alcançados

Ser líder de uma empresa ou até mesmo de uma equipe tem muitos desafios, mas um dos maiores – se não o maior – é lidar com as pessoas. Organizações são compostas por diferentes indivíduos e saber lidar com essa diversidade é essencial para que bons resultados sejam alcançados. Dentre as dificuldades encontradas pelo gestor, a delegação de tarefas pode ser uma das mais relevantes, já que o desempenho dos profissionais é determinante para o sucesso de qualquer empresa.

Em minha experiência como empresário, nem consigo enumerar a quantidade de vezes que me vi diante desse desafio. Na tomada de decisões, errei muitas vezes, mas foi com esses erros que desenvolvi uma estratégia bem-sucedida para identificar a melhor forma de distribuir as tarefas entre os membros da minha equipe. A chave para vencer esse obstáculo é uma palavra simples, mas difícil de ser aplicada: comunicação.

A transparência no momento da comunicação entre o líder e seus colaboradores é o que vai permitir a identificação das fortalezas de cada um e que poderão ser aproveitadas em tarefas específicas. Isso reflete não só na produtividade da equipe como um todo como também na satisfação individual, já que os profissionais passam a se dedicar àquelas funções que mais lhe agradam.

Claro que não basta isso para que a empresa prospere, afinal, não podemos deixar com que os funcionários realizem apenas as tarefas de forma sistemática. A organização tem um objetivo, embasado em visões e missões, e que deve ter uma estratégia desenhada para que seja alcançado. Todos que fazem parte da equipe devem estar cientes disso para que, de forma harmônica, consigam trabalhar em prol das metas designadas.

Por fim, penso que um dos papéis que mais tem que estar definido é o do próprio gestor. Isso porque temos a tendência de, ao nos depararmos com certas dificuldades da equipe, interferirmos de forma a tomar o trabalho dos outros para nós mesmos. Mas é preciso lembrar: o papel do líder é entender quais são os obstáculos – olha só a comunicação aparecendo mais uma vez como peça chave – para poder eliminá-los e, assim, deixar que seus colaboradores desempenhem suas funções e atinjam resultados cada vez melhores.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    café com admMinimizar