Como se manter motivado até atingir os resultados que espera

“Muitos dos fracassos da vida são pessoas que não perceberam o quão perto elas estavam do êxito quando elas desistiram” - Thomas Edison

Muitas pessoas diante das situações exclamam: “Vamos tentar para ver se consigo”. ESTÁ ERRADO! O correto é “vou tentar até conseguir”.

A principal diferença entre vencedores e perdedores é o quanto eles insistem antes de atingir a vitória.

Aprenda uma coisa: atingir 99% de sua meta é igual a atingir 50%! Porque em ambos os casos você não atingiu seu objetivo. Então pouco importa se você “quase chegou lá”. Se não chegou ainda continue insistindo. Até o fim!

Lembre-se: a vitória é uma tentava que deu certo!

Perceba que não se trata do fato de não aceitar os fracassos. Pelo contrário! Trata-se de encarar os pequenos fracassos do meio do caminho como oportunidade de aprendizado e não permitir que eles te desanimem, tem façam desistir.

Lembra que você é o único responsável por sua vida? Desta forma o único responsável por seu sucesso é você também, e tudo é obtido pelo foco em atingir seu objetivo!

Agora a grande pergunta:

o que você pode fazer a partir de hoje para alimentar em você mesmo esta energia de incentivo para permanecer tentando ate obter resultado?

Bem, existem inúmeras atitudes que você pode acionar para manter seu foco no resultado. Você destacar aqui 3 atitudes que funcionam bastante para mim, e podem ajudar você também.

1 - Entenda onde está seu “calcanhar de Aquiles”

A origem da expressão popular “calcanhar de aquiles” deu-se por uma das histórias da mitologia grega. Tétis, mãe de Aquiles, desejava tornar seu filho indestrutível, preparando-o para as futuras guerras. Tétis mergulha o garoto num lago mágico, segurando-o pelo calcanhar. Durante a guerra de Troia, Aquiles é atingindo em seu calcanhar, o único lugar onde não havia proteção alguma, e é derrotado. Daí a expressão: “Calcanhar de aquiles”, ou seja, o ponto fraco de um indivíduo.

Liste as situações em sua vida onde você desistiu e reflita sobre o motivo da desistência. O que te motivou a parar?

A partir dai vai listar como você pode se precaver para cada um dos motivos de desistência. O que você pode fazer em situações futuras para evitar a desistência. Ex. uma pessoa que esteja em processo de emagrecimento pode perceber que o motivo que a faz parar é não achar que as comidas de dieta são saborosas. Desta forma, uma maneira de mitigar este problema seria cozinhar receitas de comidas diet que sejam saborosas, fazendo da refeição um prazer.

2 - Busque a automotivação

Após conhecer seus pontos a desenvolver o próximo passo seria se automotivar. E uma das formas de se auto motivar é cultivar o pensamento positivo. Treinar a mente para que diante de um fracasso, se foque na SOLUÇÃO e não no problema.

Tenha claro em sua mente o porque está realizando suas atividades, que resultado você espera? Ficar desanimado vai te afastar ou te aproximar de seus objetivos? Bem, a resposta para esta pergunta é clara, certo?

Então permita-se ficar triste, mas não por muito tempo, pois depende só de você recomeçar e começar novamente.

Ter muito forte em mente os motivos que te levam a buscar o objetivo é uma das formas mais eficazes de se manter motivado.

3 - Celebre as pequenas vitórias

É muito comum nos focarmos com tanta energia na meta final a ser alcançada que esquecemos de celebrar as vitorias intermediárias que obtivemos até aquele momento.

Não se cobre exageradamente e também não se compare com outras pessoas. Alias comparação de resultados é uma péssima ideia. Ao invés disso observe o quanto já evoluiu do passado até aqui.

Você não precisa se focar nos objetivos imensos o tempo todo, ou em sucesso profissional absoluto, etc. Você também pode colocar seu foco em conquistas menores, como não cair na tentação de comer aquele chocolate no almoço ou de ir assistir à televisão ao invés de ir à academia. Pequenas conquistas também trazem boas sensações e ajudam a te manter motivado.

Bem, o recado de hoje é este.

Até o próximo artigo!

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento