Como organizar o ambiente de trabalho e como obedecer as regras da cultura de sua empresa

Em nosso ecossistema temos que fazer as coisas fluírem para obter resultados, em uma empresa isso não é diferente pois se deixarmos de fazer algo com certeza irá afetar algum processo adiante, tendo que retornar ao processo que não aconteceu, gerando retrabalho e perca de tempo

Toda empresa tem uma visão, uma missão, um objetivo e uma cultura, com isso fica fácil de criar as regras, normas e estabelece-las. A organização em todo modo, começa com a cultura dos funcionários, como agem e como se comportam diante algumas situações, ter educação e ética são fundamentais.

Em uma análise que fiz em algumas empresas, percebi que um dos maiores problemas sob meu ponto de vista, é a procrastinação, um defeito que acontece muito nos meios corporativos, pois muitas vezes deixamos algo para depois simplesmente para ficar de bobeira, focando em outros assuntos.

Em nosso ecossistema temos que fazer as coisas fluírem para obter resultados, em uma empresa isso não é diferente pois se deixarmos de fazer algo com certeza irá afetar algum processo adiante, tendo que retornar ao processo que não aconteceu, gerando retrabalho e perca de tempo.

Outro ponto que eu acho interessante citar é que todo setor corporativo é feito de rotinas e nessas rotinas é onde se deve aplicar a maioria das regras. A rotina em si é como ligar o botão do automático em um determinado momento, é um processo que vai do A ao Z e quanto mais otimiza-los mais ganharemos tempo.

Seguir as regras básicas de uma empresa é importante e abaixo irei citar algumas regras fundamentais para o meio corporativo.

Pontualidade: Seja pontual com seus compromissos e se você tem um horário para entrar e um horário para sair, cumpra-o.

Economia: Rever esse assunto é realmente importante e ajuda muito com as despesas desnecessárias da empresa, pense em economia de luz, água, papel e na reutilização de material, como diz o velho ditado: De grão em grão, a galinha enche o papo.

Sustentabilidade: Em muitas rotinas existem muito desperdício de subsídios, material de escritório, matéria prima e afins. Existem vários processos para remediar esse fator com um pouco de sustentabilidade, não desperdiçar durante as rotinas por exemplo é muito importante para se sustentar. A partir do momento em que você vê que é desperdício, evite.

Fluxo de trabalho: Tenha em mente sempre o fluxograma do seu setor e/ou empresa, fica fácil coordenar quando você sabe os processos. Sempre o revise periodicamente pois sempre aprendemos algo novo que podemos aplicar nos desenvolvimentos e nos processos.

Logística mental: Tudo tem uma lógica, temos que saber como é esse processo e como o faremos. Crie um mapa mental de como é sua empresa de como funciona cada setor, veja como ele funciona, agora vá até sua função e veja como você o faz, analise o que pode ser melhorado e melhore se possível.

Ética: Não adianta ser um bom empreendedor ou um bom funcionário se você descumpre com as leis e com as regras, é como se fosse um jogo, se você trapaceia perde a graça e prejudica os demais jogadores.

Fica por aqui minhas dicas, entretanto, espero ter contribuído um pouco com a reflexão nos casos citados, peço também para que se possível, comentem esse artigo deixando sua objeção, sugestão ou crítica, para colhimento de maiores informações.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento