Business Hacking: uma nova forma de criar ou remodelar negócios para que tenham mais resultados

Business Hacking é uma metodologia que venho aplicando em meus clientes de consultoria. Trata-se de nada mais que criar um novo modelo de negócio com foco em resultados mais rápidos e direcionado para o público-alvo da empresa.

Business Hacking é uma metodologia que venho aplicando em meus clientes de consultoria. Trata-se de nada mais que criar um novo modelo de negócio com foco em resultados mais rápidos e direcionado para o público-alvo da empresa.

Mas calma! Não é nenhuma fórmula milagrosa que vai te deixar milionário da noite para o dia... srsrsrs.

Business Hacking é o quê?

É sobre criar comunidades, conexões e, com isso, impactar, tanto o resultado do seu negócio quanto a vida das pessoas. É uma forma de criar ou tornar uma corporação mais humana e que traga resultados para todas as pontas (donos, colaboradores, parceiros etc.) envolvidas no processo.

Mas como Business Hacking torna isso possível?

Através de uma metodologia aplicada em negócios digitais que geram transformações nas pessoas. Ficou complicado? Vou citar alguns exemplos:

Quantas pessoas você já ouviu dizer que iriam sair do seu emprego atual para abrir um empreendimento tradicional? E se, em vez de essa pessoa abrir uma loja no shopping ou de rua, um e-commerce, ou vender comida feita em casa, com todas as preocupações inerentes a essas iniciativas, ela pode criar um curso para um nicho especifico, baseado na dor do público desse nicho, e o investimento será muito menor, com impacto que poderá ser muito maior.

Tradicional x inovador

Uma observação antes de prosseguir. Não tenho nada contra modelos tradicionais de negócio, pessoal. São negócios que geram faturamento e empregam muitas pessoas, mas o que eu quero dizer é se essa pessoa transformar o conhecimento prático dela em um negócio online que pode impactar centenas e até milhares de pessoas. Ou seja, fazer mais com menos, entende?

Como inovação em negócios faz diferença?

Quando se cria um infoproduto você movimenta a economia de diversas formas, como, por exemplo:

  • os afiliados que divulgam seu produto e recebem uma comissão por venda concretizada;
  • a empresa que intermedia o pagamento;
  • a pessoa que compra o curso;
  • você e sua equipe (copywriters, designers, programadores etc.)

E então: quer uma economia mais colaborativa que isso?

Você ainda terá um ponto de equilíbrio do seu negócio muito mais rápido, mas para isso é preciso “hackear” seu modelo mental para hackear seu modelo de negócios.

Estive em São Paulo nos últimos dias e visitei lugares onde a inovação está presente no dia a dia das pessoas, percebi muita gente usando receitas prontas sem testar sequer se uma “pitada de sal a mais” poderia fazer uma grande diferença em seus modelos de negócios.

Agora, imagine todo o conhecimento prático adquirido pela sua “empresa” (capital humano) seja uma Startup, loja, restaurante, salão de beleza ou qualquer outro modelo de negócio.

Pegue isso e crie um produto digital ( pode ser um curso, uma área restrita, uma mentoria ou tutoria...) que ajude as pessoas no dia a dia e que tenha link com o seu nicho de atuação e agregue valor ao seu produto/serviço ou até mesmo crie um novo produto que gere receita, provavelmente, em pouco tempo, se tornará o produto que mais trará receita para o seu negócio e em um curto espaço de tempo.

Cases de sucesso relacionados ao Business Hacking

Já existem cases no mercado, veja as grandes como Apple que fatura mais com serviços ( digitais ) do que com venda de produtos; a Netflix que acabou tirando uma gigante do mercado ( Blockbuster ); esses são apenas 2 exemplos de modelos de negócios, mas os maiores cases – ao menos os que mais me fascinam e impactam – são os empreendedores que, sozinhos, movimentam milhões através de infoprodutos criados para resolver problemas reais das pessoas e assim transformar vidas e negócios.

Business Hacking e o que você pode fazer por si mesmo?

No meu novo empreendimento, eu e meus sócios hackeamos nosso modelo mental e desenvolvemos modelos de receitas diferenciados e, com isso, mesmo antes de a empresa nascer oficialmente nós já tínhamos conquistado clientes, o que validou nosso negócio e mostrou que nossas ideias estão alinhadas a nosso propósito.

Se você está pensando em montar um negócio ou em gerar mais resultados, comece a pensar em “hackear” seu modelo e encontrar novas soluções que estejam alinhadas com o mundo digital e quem sabe, assim, seus resultados se tornem surpreendentes em um curto espaço de tempo. Pense nisso!

Um grande abraço,

Anderson Gomes - MindHacks

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento