Café com ADM
#

BIP: três condições que favorecem a criatividade

Criado por Roberto Menna Barreto, autor do livro Criatividade em Propaganda, o conceito BIP, mostra três condições favoráveis a explosão da criatividade: Bom Humor, Irreverência e Pressão

Você já sabe - suponho - que criação não se ensina, mas pode ser desenvolvida e aprimorada a medida em que é praticada. Sabe também que criação quase sempre é 1% de inspiração e 99% transpiração. Para desenvolver a sua criatividade, é necessário principalmente, observar o mundo à sua volta. Daí a razão para meus professores baterem tanto na tecla do "Repertório".

É necessário conhecer de tudo um pouco, e cada situação que você vive, cada experiência nova que você vivencia, contribui para seu repertório criativo. Lembro que um professor meu disse em uma palestra: "Quer ouvir sertanejo escuta! Mas também ouça samba, jazz, rock e conheça um pouco de tudo." Há um ponto importante nisso, um criativo não pode dar espaço a preconceitos, pelo simples fato de que o preconceito mata a criatividade. Mas vamos direto ao ponto.

O conceito BIP

Criado por Roberto Menna Barreto, autor do livro Criatividade em Propaganda, o conceito BIP, mostra três condições favoráveis a explosão da criatividade: Bom Humor, Irreverência e Pressão.

Bom Humor: É necessário viver com alto-astral, se relacionar com o mundo a sua volta com um estado de espírito elevado. Sem bom humor, não há criatividade. Gente deprê não é criativa por definição e por impossibilidade ambiental.

Irreverência: A irreverência necessária à criatividade, é a capacidade e a coragem de questionar tudo que se apresenta como definitivo. O irreverente é inimigo mortal das expressões "Ora, mas sempre foi assim!" e "Nunca foi assim". Se acreditássemos nessas expressões, ainda estaríamos vivendo de forma medieval. Nada, absolutamente nada do que temos hoje a nossa volta, que tenha sido fruto da concepção humana, existiria. Não teríamos remédios, lâmpadas, etc.

O irreverente reúne as melhores condições para a criatividade. Olhe ao seu redor e observe: as coisas nem sempre foram assim, e não existiriam dessa forma, se alguém não tivesse desafiado a expressão "sempre foi assim".

Pressão: Sabe aquele velho ditado: "A necessidade é a mãe da invenção?" É bem assim que a banda toca. Criatividade é essencialmente uma característica humana, que vem à tona, principalmente, em virtude da escassez de tempo e recursos, preferencialmente de ambos.

Pra finalizar é necessário entender que a verdadeira criatividade, tem como base princípios como a capacidade de perceber quais problemas têm melhores chances de dar resultados, e valham o esforço de resolvê-los. Confiança de que você pode solucionar os problemas que escolher resolver ,e persistência obstinada. Criatividade e persistência são sinônimos.


Referência

Martins, Zeca - Propaganda é isso aí! Vol 2 . Editora Futura. São Paulo, 2003.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.