Bem-estar organizacional

O presente artigo trata do bem estar profissional, e seus resultados positivos

O bem-estar organizacional, está relacionado ao psicológico e a organização como um todo, quando há uma certa satisfação dos funcionários, um ambiente agradável, ocorre um certo desenvolvimento, e uma facilidade maior para resolver os problemas do cotidiano. É de extrema importância que a empresa tenha uma visão dos elementos que podem ajudá-la ter um ambiente prazeroso.

Os teóricos do bem-estar psicológico adotam a visão de felicidade, e consequentemente de bem-estar, centrada na experiência de expressividade pessoal e de auto realização. Os estudos nesta área partem da premissa de que fatores essenciais para a definição de bem-estar têm sido negligenciados pelos pesquisadores hedonistas. (PASCHOAL; TAMAYO, 2008)

A qualidade de vida no trabalho, traz resultados positivos, se os funcionários se sentem importantes, contente aos benefícios. É claro que pra cada um, existe uma forma de emoção e humor, por isso a uma dificuldade de identificação que agrade a todos, e assim tudo se torna trabalhoso mais não impossível, se houver esforço continuo chegaram as respostas certas que irá favorecer a maioria.

Todas vantagens estabelecida pela empresa ao funcionário, faz com que o funcionário se sinta seguro e importante, o dinheiro não será tão importante quanto a sua satisfação própria, com um ambiente agradável a imagem da organização será propício até mesmo quando for se associar, negociar, e atrair pessoas qualificadas.

Pode acontecer da organização não fornecer o que a maioria dos funcionários necessitam, dificultando o desenvolvimento, produção, alcance dos objetivos. É preciso que haja imediatamente uma mudança, e se for preciso até mesmo em sua cultura, sem dúvidas um processo demorado e trabalhoso, que exige paciência, qualquer erro pode ocasionar mais problemas, atrasando mais o processo, se todos envolvidos participarem, se todos caminharem juntos, com o tempo, aos poucos as expectativas e os objetivos serão alcançados.

REFERÊNCIAS

PASCHOAL, Tatiane; TAMAYO, Alvaro.Construção e validação da Escala de bem-estar no trabalho. 2008. Disponível em <pepsic.bvsalud.org/scielo.php?pid=S1677-04712008000100004&script=sci_arttext> Acesso em 27 de set. 2015.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento