As 7 ferramentas da qualidade

A importância das sete ferramentas para solução de problemas e a melhoria da qualidade de uma organização

De acordo com alguns autores, as ferramentas da qualidade foram estruturadas a partir da década de 50, baseadas em conceitos e práticas. Essas ferramentas são essenciais para definir e solucionar problemas dentro de uma organização, proporcionando um nível de qualidade altíssimo na gestão e na melhoria de produtos, serviços e processos da empresa.

Estas sete ferramentas devem ser entendidas e aplicadas com sabedoria por todas as pessoas que constituem a organização, do nível estratégico até o nível operacional, com o objetivo de alcançar bons resultados. As ferramentas da qualidade são:

1) Diagrama de Ishikawa (Espinha de peixe)

Conceito: Indicar todas as causas possíveis relacionadas a algum problema específico.

2) Folha de verificação

Conceito: Coleta e análise de dados; ajuda a diminuir erros e dúvidas.

3) Histograma

Conceito: Mostrar a distribuição de dados; identificar a porcentagem dos defeitos e valores.

4) Gráfico de Pareto

Conceito: Escolher o ponto de partida para a solução do problema; distinguir os principais fatores.

5)Diagrama de correlação

Conceito: Traçar uma relação entre duas variáveis para testar possíveis relações de causa e efeito.

6) Fluxograma

Conceito: Mapear processos; traçar etapas.

7) Gráfico de controle

Conceito: Estabelecer limites e parâmetros; analisar a variabilidade dos processos.

As ferramentas da qualidade têm o objetivo de melhorar a cooperação em todos os níveis da organização, identificando causas raízes dos problemas e solucioná-los da melhor forma. Contudo, para que isso ocorra, é necessário contar com o comprometimento e participação de todos os colaboradores da empresa, conseqüentemente proporcionarão um aumento na melhoria dos seus processos, reduzindo os custos e se tornando uma empresa mais eficiente e eficaz.

ExibirMinimizar
aci baixe o app