Café com ADM
#

ARTIGO: Ativos intangíveis

As organizações possuem, além dos tradicionais ativos tangíveis, mensurados pelo antigo modelo contábil, os chamados ativos intangíveis. Podemos categorizar os ativos intangíveis em competências dos funcionários, de estrutura interna e externa.

As organizações possuem, além dos tradicionais ativos tangíveis, mensurados pelo antigo modelo contábil, os chamados ativos intangíveis. Podemos categorizar os ativos intangíveis em competências dos funcionários, de estrutura interna e externa. Ainda podemos diferenciar os ativos tangíveis dos intangíveis, pelo fato dos tangíveis possuírem valor de mercado expresso no balanço patrimonial. São visíveis, tais como computadores, espaço físico, etc., ao passo que, os chamados intangíveis não são visíveis, mas perceptíveis pelo mercado, como a estrutura interna, as patentes, os conceitos, os modelos, os sistemas administrativos, os sistemas de computadores, os processos, etc. Atualmente, verificamos uma preocupação com o monitoramento do conhecimento organizacional, devido ao fato dos administradores perceberem que estes ativos representam vantagem competitiva, a partir da habilidade intelectual das pessoas, da aprendizagem, criatividade e inovação, desafiadas pelos problemas a serem resolvidos, ambientes competitivos e novas fronteiras. As empresas envolvidas na era da informação investigam e gerenciam seus ativos intelectuais, paralelamente a seus ativos financeiros, integrando-os a processos de negócios baseados nos clientes, buscando inovação, flexibilidade, qualidade, melhoria de produtos, serviços e processos que nasceram tanto da reciclagem de funcionários, como pelo uso adequado das tecnologias da informação, também através de procedimentos organizacionais e investimentos nas capacidades e competências. As organizações que não visam lucro também podem ser enquadradas na definição de organização do conhecimento, quando se constituem em autoridade nos assuntos de sua competência, quando estão envolvidas em pesquisa e desenvolvimento, preocupando–se com a capacitação da mão-de-obra e benchmarking de organizações internacionais dos países desenvolvidos. Um dos fatores essenciais é que haja uma percepção externa referente ao aumento de credibilidade perante à sociedade.


Leia mais sobre assuntos relacionados no site:

www.universopublico.com.br



ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.