Aprenda agora como ganhar tempo no ano que vem

Comece 2016 lembrando de 2015, de seus acertos e principalmente de seus erros

Aprendemos na dor, isso é fato invariável. Quando você está feliz, sentado na praia tomando caipirinha, você no máximo reflete e pensa na vida, pensa em como algumas coisas poderiam ser diferentes. Mas, quando você está com os pés na lama, e precisa levantar, tirar forças e literalmente sobreviver a situações quase que inimagináveis colocando seu pé de volta na grama, ai sim você aprende com os erros e perdas da vida, evolui e consegue ser uma pessoa mais forte, mais sábia, mais vivida.

A dor faz com que seja necessária uma atitude. Você precisa necessariamente fazer uma escolha: enfrentar indo em frente ou se esconder e tentar passar sem ser percebido. Algumas vezes, a segunda opção não existe e por isso você precisa agir e acaba ganhando aprendizado neste processo.

Ou seja, errar no fundo é bom. o processo é chato, ruim, difícil e as vezes maçante mas no final é bom sim.

Em 2016, tire da cabeça que você não vai errar e lembre-se que ao errar, você precisa absorve o que for necessário para não errar de novo. Esse é o verdadeiro truque para não perder tempo. Lidar com os erros e acertos procurando sempre ser alguém melhor.

O grande problema aqui é passar por uma situação X, agir, entender o erro, a dor ou o que for e se colocar novamente naquela situação. Errar é humano, mas tudo tem limite. Aprender com esses momentos são cruciais para evoluir e se transformar.

Perder um emprego por indisciplina e depois perder outro pela mesma razão é como jogar toda a experiência vivida, ladeira abaixo. Passar por uma doença na família e depois por outra é uma variável que está fora do seu controle, mas se você foi de encontro ao problema, na segunda vez tudo será mais claro ( não mais fácil, apenas mais claro, afinal o caminho já foi trilhado uma vez).

Ou seja, mesmo sem saber qual é o seu problema ou situação dificil, sei que você vai sair dela mais forte e com uma bagagem enorme para o próximo desafio.

Então, para o ano que vai começar, permita-se deixar os aprendizados de 2015 logo ali a mão para serem usados se necessário. Não deixe que o próximo ano seja consumido pelos mesmos tropeços. Sabe aquela sensação de não conseguir sair do lugar, de dar voltas e voltas no mesmo lugar?

Então, não deixe que seu 2016 seja ocupado por corridas sem fim, caminhos que não levam a lugar nenhum e atitudes sem fundamento.

Viva todos os momentos com intensidade!

Feliz 2016!

ExibirMinimizar
Digital