Aprenda a viver ou viva aprendendo!

Nosso desenvolvimento ocorre a cada interação humana, seja com os colegas no trabalho, com o vizinho, com a família e até contigo mesmo. Estamos em constante mutação, pois processamos involuntariamente cada informação a cada milésimo de segundos e o fato de desenvolver-se esta em cada processamento, aproveitar ao máximo, os ensinamentos espontâneos da vida. Estamos acostumados a escutar as mesmas coisas sobre liderança, equipe, processos, oratória, técnicas de vendas, programação neuro-linguística entre outras várias ferramentas que nos prometem desenvolver-nos tecnicamente, mais quase nunca nos damos à oportunidade de aprender a viver. Quando digo pensar, quero dizer pensar positivamente e quando se pratica esta postura o resultado é um cenário ideal para colocarmos em prática nossos projetos nas diversas áreas. Você traz para perto de você as pessoas que te circundam e ganha adeptos, críticos e admiradores que são força e energia para a roda da vida. Tenho percebido porque as pessoas de sucesso, não só financeiro, mas pessoas felizes a satisfeitas, são o que são e como fazem para ter este cenário. Tenho buscado a reflexão e comparação. Essas pessoas são autenticas, encaram os fatos holisticamente como degraus de uma escada que se sobe e problemas como pequenos obstáculos fáceis de supera-los. São humildes, simples e simpáticas. Sabem como fazer pessoas pequenas sentirem-se grandes. Não perdem a oportunidade de elevar as pessoas na mais diversas oportunidades, na sala de café da empresa, no campo de futebol com os amigos ou na sala de TV em casa com os pequeninos. É como se vivessem como se fosse o último dia da vida, sabe que ela é escassa e finita. Então aproveitam esta oportunidade divina para cultivar as pessoas para cima e deixar como herança o respeito e admiração, mas também o poder da humildade e como ela reflete em nossas vidas. A satisfação de escutar um elogio é infinitamente superior ao de gastar dezenas de reais da aquisição de um bem material. Entendem que carros são simplesmente meios de transporte. Basta apenas uma linda manhã de primavera no bosque com a família, alguns trocados no bolso, para um simples suco de laranja e tem-se o melhor momento com a família. Basta olhar ao seu redor. São inúmeras pessoas que você conhece, algumas mais novas, endinheiradas, mas sem caráter, movidas pelo materialismo, ganância e outras, talvez, na maioria das vezes, mais velhas, mas sábias, porque aprenderam na vida que o segredo esta na humildade e na humanidade. Estas são sábias porque respeitam as pessoas, não empinam o nariz diante de um ser talvez carregado pela complexidade da inferioridade que o mundo lhe impôs e só precisam de alguém para mostrar o quanto é importante para contigo mesmo. Portanto, quando você encontrar aquele amigo pobre de dinheiro ou "de espírito" do bairro ou da sua empresa ou mesmo o aquela pessoa superior, faça-os sentir importantes, de exemplos de cumplicidade. Cultive esta prática e verás o que o mundo reserva para ti. Amigo é coisa séria, a felicidade é o reflexo de tudo isso. * Roberto Henrique Catharino Filho, Administrador de Empresas, Gerente Administrativo Financeiro da Agro Amazônia, membro do Grupo Administrando da revista VOCÊ S/A na rede - E-mail: robertocatharino@gmail.com - Site http://www.administradores.com.br/home/robertocatharino.

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    Roberto Catharino

    Roberto Catharino

    * Adm. Roberto Henrique Catharino Filho, Administrador de Empresas, Cuiabá-MT, membro do Grupo Administrando da revista VOCÊ S/A na rede - E-mail: robertocatharino@gmail.com. Site: www.administradores.com.br/home/robertocatharino
    café com admMinimizar