A roda administrativa

A história começa com a trajetória do australoptecus, passando por vários estágios de evolução, até chegarmos ao homo sapiens, capaz de concatenar e processar idéias de forma inteligente, essa evolução, fez com que o homem, sentisse a necessidade de conviver de forma social, e, por conseguinte, organizar e planejar suas ações, para um melhor direcionamento e aproveitamento das mesmas. Essa sistematização de idéias, no decorrer de sua história, fez com que o homem descobrisse o fogo, a roda, inventasse o carro, e hoje, a criação e o planejamento humano, fez aparecerem seus foguetes flamejantes para á exploração de mundos extra terrenos. A história é muito antiga, como tudo na vida evolui, antropologicamente o homem vem aprimorando métodos e processo, remontados desde á antiguidade, podemos dizer mais precisamente, que os Sumérios, um dos povos mais antigos do mundo, a história conta sua existência á 5.000 anos A.C, já usavam a administração para sua organização e controle. A ampulheta administrativa, remontada desde os Sumérios, veio correndo através da história, passando por Frederick W.Taylor, dando assim o ponta pé inicial as práticas protocolares e científicas, promovendo assim, o seu estudo sistemático em solo Norte Americano, berço da administração universal, contemporaneamente com Henry Ford, um dos grandes colaboradores da Administração, e posteriormente Henry Fayol seguidos por outras grandes personalidades. No Brasil, a percepção administrativa, só veio um pouco mais tarde, com Getúlio Vargas, que, em 1938 criou o DASP(Departamento de Administração do Serviço Público), departamento este que em dado momento de sua história fora presidido pelo nosso ilustre patrono Belmiro Siqueira. Vargas com a criação do DASP se atentara para a necessidade das práticas administrativas, pois sua mente e olhos visionários, perceberam que suas intenções e projetos, só poderiam dar certo, se houvessem uma sistematização de procedimentos e planejamento, focados em métodos administrativos, dito e feito, com esse grande estadista obtivemos dentre outras criações, a CSN e Petrobrás, como também estrategicamente a criação da Força Aérea Brasileira. Seus feitos administrativos foram tão fortes e tão progressistas, que, mais tarde Getulio Vargas seria homenageado, pela primeira universidade a fazer um estudo científico da administração, a FGV-Fundação Getulio Vargas. Continuando a marchar pela história administrativa, temos que dar um enfoque não tão somente em Getúlio Vargas, mas também em outro líder, como o Presidente Juscelino Kubitschek, que abriu as portas do Brasil para a produção internacionalista de bens e serviços, essa abertura, apresentou-se como um ensaio para o modelo de desenvolvimento, adotado após 1964, e que cuja ciência da administração, esteve todo o tempo presente implantando e implementando processos, para a formação dessa peça da engrenagem do imenso big-bang, chamada aldeia global. E agora já globalizando os povos, precisamos sem sombra de dúvidas, perpetuar a ciência administrativa, isso, para que possamos proteger e respeitar o maior interessado, o consumidor. O consumidor seja ele, de bens, ou serviços, merece incontestáveis e excelentes serviços prestados, e para que isso se torne uma realidade, é necessária, a existência de administradores trabalhando no processo para garantir a excelência, e para que se garanta a excelência, é necessárias correções, e implementações contínuas de qualquer processo, com essa prática, colocaremos a ciência administrativa em detrimento das ações estabanadas e estapafúrdias praticadas por alguns detentores dos meios de produção e de serviços. Precisamos de administradores no contexto social, organizando, planejando, controlando e desenvolvendo o universo como um todo. A administração começa a surgir como necessidade em todas as atividades, o crescimento tecnológico e sócio-econômico de nada valem, se, não existir um planejamento e direcionamento prévio, promovido pelas competências administrativas. A administração é incansável, a união dos administradores em volta do mundo, tem como objetivo, unificar a promoção das atividades científicas, dado ao reconhecimento e importância dessa ciência em todas as atividades do homem. A administração profissional é a profissão do século XXI, quem não usar e implementar essa valiosa ciência em seus negócios, lamentavelmente estará fadado ao fracasso, e certamente aos homens que a ela renegarem, sejam eles focados no governo, 3º setor, indústria, comercio ou serviços, estarão possivelmente retroagindo aos primórdios da história, primórdios esse que antecede a história dos Sumérios. E viva os 40 anos! O povo diz por aí que a vida começa aos 40, obviamente de forma mais madura, e a maturidade vem com experiências vividas, e, diga-se de passagem, no tocante à administração, o homem já tem muito que contar, nós administradores, amadurecemos com sabedoria, a sabedoria é dom dos aprendizes sedentos de saber, nós administradores, sabemos que existe ainda, muito a fazer e a implementar na sociedade. Agradecemos a você administrador(a), que com o seus anseios e aspirações tornaram possíveis esse primeiro quaternário de existência, agradecemos também a todos os grandes homens da história da administração, homens esse que ajudaram a construir nosso tão glorioso caminho de estrelas, e que como todo astro, brilha na imensidão do universo, tornando infinita as possibilidades de satisfação e gloria, essas estrelas formam a constelação mais brilhante que o universo já presenciou, a chamada constelação das estrelas azuis. Salve! Vida eterna à administração!!! Demetrio William de Souza Diretor Financeiro ATASUL

Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    Demetrio Souza

    Demetrio Souza

    Mestrando em negocios pela FGV, Especialista em Gestão de Empresas pela FGV, Administrador de Empresas habilitado para trabalhar em comercio internacional, Habilitado para exercer funções como Perito Judicial Cível e Trabalhista , Árbitro pela CBMAE, Diretor Proprietario da Empresa DWS Logistica empresa de transporte de combustíveis.
    café com admMinimizar