A importância de um bom mestre

Mestres são fundamentais na nossa vida. Do nascer ao desenvolvimento pessoal e profissional. E você sabe valorizá-los?

Na nossa vida, em cada etapa, diversos mestres nos são apresentados e têm um papel crucial na nossa formação. Logo ao nascer, os nossos pais e avós assumem o papel orientador, nos incentivando a dar os primeiros passos e a balbuciar as primeiras palavras. Eles orientam a nossa vida, nosso caráter e estipulam o "modus operandi" de uma casa e uma família.

Além disso, precisamos ter novas visões e entram em cena novos mestres: o melhor amigo, que aconselha sobre algumas decisões importantes que tomaremos, o professor do futebol, que estimula o trabalho em equipe, a disciplina, o comprometimento coletivo como resultado, os professores da escola que nos dão a base fundamental do saber, são exemplos de mestres que se fazem presentes na nossa formação.

Porém, poucos valorizam os mestres organizacionais, que são aqueles que te motivam, incentivam e orientam em busca do crescimento contínuo e do atingimento das metas empresariais. Esses mestres, geralmente chefes, líderes, gerentes, são fundamentais para a nossa formação técnica. Sem eles, por muito, pularemos de empresa em empresa, sem um objetivo claro definido, aceitando qualquer papel, sem ter algo em troca que valha realmente a pena.

Na minha vida profissional, tive alguns mestres organizacionais que me inspiraram e ajudaram a formar o jeito como eu iria atuar nas organizações. O primeiro deles, vejam só, coincidiu justamente no meu primeiro emprego, numa pequena loja de discos e CDs de bairro. O aprendizado com o casal de donos foi tão grande e aconteceu de uma forma tão serena e comprometida, que acabei, muito por conta deste momento, prestando meu vestibular e escolhendo fazer Administração de Empresas. Já formado pude trabalhar numa Consultoria, onde pude aprender com o seu principal sócio a importância de fazer com qualidade, comprometimento e, acima de tudo, aprender sempre. A cada novo cliente, um novo aprendizado. Uma nova experiência.

Além destes, os mestres de casa, professores, me mostraram que sair da mesmice, com conteúdo, é fundamental para se destacar numa vida acadêmica. Além deles, vários outros mestres que cruzaram o meu caminho, influenciaram meu estilo de ser, de lecionar e de conviver com os alunos.

Assim, a cada etapa da sua vida, valorize o seu mestre, aquela pessoa que te inspira a ser uma pessoa melhor.

ExibirMinimizar
Digital