A importância da credibilidade para o sucesso do administrador
A importância da credibilidade para o sucesso do administrador

A importância da credibilidade para o sucesso do administrador

Um administrador não é apenas uma criatura que sabe equacionar problemas, gerenciar pessoas e planejar processos, ele é uma grande referência de caráter, honradez e moralidade

Tive o privilégio de crescer sendo discipulado por grandes líderes que me ajudaram a compreender a essência da ética e da moral, me instigando a construir um caráter com valores justos e honrados, batalhando para colocar o próximo em uma posição soberana e absolutamente impenetrável. Por isso, nunca gostei de mentiras, dissenções, injustiças e manipulações, pois meu maior objetivo é tratar as pessoas com profundo amor, conforme os ensinamentos do meu mestre: o carpinteiro mais famoso do universo, que me mostrou que a maior força humana se constitui em apenas três pilares: verdade, generosidade e virtude. Verdade para honrar meus compromissos e jamais deixar de cumprir o que foi acordado, generosidade para estender a mão para um semelhante e praticar a caridade sempre que necessário e virtude para desenvolver meu intelecto e raio de sabedoria, buscando otimizar continuamente o meu espírito.

Sabemos que lidar com pessoas não é nada fácil e no mercado de trabalho as coisas pioram ainda mais. Em minha curta carreira profissional, já fui muito maltratado e pisoteado por pessoas que queriam apenas me usar, como reles marionete. Com o passar dos anos, descobri que esse terreno não é para “crianças”, porquanto é um lugar sujo, imundo e totalmente recheado de enganações, o que nos obriga a sermos astutos, inteligentes e prudentes se quisermos sobreviver a tamanhas complexidades e embromações.

Como toda a pessoa do mundo, sempre quis fazer sucesso, conquistar espaço e ter reconhecimento, porém nunca aceitei que minha dignidade fosse trocada por essas sedutoras vantagens. Em outras palavras, nunca acreditei que um homem pudesse ser feliz prosperando na vida profissional e declinando na vida pessoal, porquanto essa ambiguidade leviana de tentar separar as duas esferas sempre me pareceu ser um fétido e perigoso engodo, pois pense comigo: como um ser humano pode ser feliz sem dar atenção aos seus pais, sem ajudar um amigo em perigo, sem reservar um tempo para a família, sem retirar um espaço para os próprios gostos e volições, sem acreditar em algo superior - que transcende o universo visível que nossos olhos teimam em acreditar -, sem refletir sobre suas condutas e decisões, sem se importar com as malignidades desse mundo perverso, sem ter um espírito de mudança perante tantos equívocos da insensatez humana, sem amar a companhia de um bom amigo, enfim como alguém poderia se completar possuindo apenas a metade de uma pedra preciosa e atirando propositalmente a outra no fundo interminável do oceano?

Portanto, para a minha mente foi extremamente fácil discernir que o único caminho para ter paz no coração e plena jubilidade no espírito era fugindo desenfreadamente dessa “dupla personalidade”, equilibrando essas duas vertentes para que o alcance de metas fosse acompanhado de felicidades e realizações intrínsecas, dando a minha consciência a excelsa chance de sobrepujar seus obstáculos sem perder sua nobre alma no decorrer dessa perniciosa e deliciosa estrada. E foi exatamente isso que executei - sem titubear -: ajuntando esses dois pedaços para germinar uma existência solidamente concreta, dotada de decisões singulares e intimamente entrelaçadas para vencer as angustiosas dúvidas presentes a minha volta.

Como prestigiar o trabalho sem perder a essência da vida

Em primeiro lugar, é necessário adotar uma regra básica: nada de romper princípios e valores para obter vantagens, dado que sua índole é a qualidade mais valiosa que sua aura carrega. Lamentavelmente, muitos gestores passam por cima de seus santuários morais em prol de alguns tostões a mais, como mendigos sedentos por um abjeto punhado de migalhas.

Não aja dessa forma, valorize sua cultura e seus preceitos éticos para que o grupo perceba que você é um exemplo a ser seguido e estimado por preservar reflexões rochosas e racionalizações coerentes e coesas em todas as variáveis mercadológicas presentes.

Em segundo lugar, é fundamental ter humildade: tratando as pessoas com igualdade independentemente do cargo que elas ocupam, haja vista que elas são peças importantíssimas para o todo organizacional - por mais simples que sejam suas funções -. Por conseguinte, não queira ser o dono da verdade, o poderoso, pelo contrário, seja apenas mais um integrante disposto a auxiliar todos de maneira equitativa e sinérgica em prol de resultados mais assertivos e extensivos para a organização.

Em terceiro lugar, tenha empatia: se colocando no lugar do outro e procurando compreender o que o torna feliz e realizado para que posteriormente você possa proporcionar tais preciosidades a essa alma, buscando ajuda-la nas profundezas mais entranhadas do seu puro coração. Acredite: essa simples atitude elevará o seu patamar e o transformará em um ente confiável e admirável, fazendo as pessoas perseguirem naturalmente suas doutrinas e amarem profundamente suas propagações.

Em quarto lugar, divida seus méritos com seus companheiros de estrada: distribuindo galardões para que todos se sintam valorizados e respeitados pela empresa. Além disso, saiba capacitar e desenvolver cada integrante de sua toca para que todos encontrem sua própria estrada (independência/identidade), evitando que a insegurança e a mediocridade os afastem do caminho da excelência e das lúdicas esferas da magnificência.

Em quinto lugar, tenha uma ideologia nobre e uma consciência preclara para que o conjunto seja fortemente impactado com a emérita causa (que deve ser única e grandiosa), fomentando um espírito de justiça e misericórdia na empresa com o intuito de contagiar a todos para que os padrões negativos da sociedade sejam quebrados e perpetuamente enterrados. Em outros termos, dê ao seu time um norte diferenciado, procurando melhorar o mundo por meio da sensibilidade humana e por intermédio de suas sublimes e elevadas generosidades.

Em sexto lugar, jamais deixe de atender o propósito máximo da organização, porque por mais que o ambiente empresarial se torne a sua “casa”, as metas criadas precisam ser atingidas para que a empresa se mantenha estável no mercado. Por isso, é impreterivelmente inegociável seguir a risca os alvos elaborados no planejamento estratégico para que o trem jamais saia dos seus trilhos, objetivando cumprir as metas alicerçadas sem que hajam desvios ou barreiras em seu caminho.

Em seu aspecto geral, o que o administrador precisa absorver é que sua principal função é apenas facilitar os processos organizacionais – enxergando os problemas como extraordinárias oportunidades de ajudar o próximo, removendo todas as barreiras existentes para que os mesmos consigam lograr êxito em suas alterosas e desafiadoras atribuições. Certamente, não foi por acaso que o grande mago dos negócios Peter Drucker sabiamente disse: “O conhecimento e a informação são os recursos estratégicos para o desenvolvimento de qualquer país. Os portadores desses recursos são as pessoas.”

5 passos para herdar uma vida pessoal saudável e prazerosa

1 - Cuide dos seus tesouros: seus amores, sua saúde e seus aliados devem ser preservados independentemente de qualquer atmosfera a ser perseguida e instituída. Seus aliados são seus amigos verdadeiros: aqueles que você pode contar em momentos adversos, seus amores são as pessoas que moram com você e que conhecem sua história e sua saúde é a capacidade de seu corpo se manter de pé diante dos numerosos desafios da vida.

2 – Seja o melhor amigo da sinceridade: aprendi com Platão que devemos ser absolutamente sinceros com os nossos pares e com nós mesmos, tendo em conta que somente evoluímos quando acreditamos verdadeiramente em nossos atributos e quando damos as pessoas uma sólida confiança, fomentando um clima de total transparência e credibilidade com a comunidade em que transitamos.

3 – Perdoe aqueles que querem o seu mal: ao ser leal e autêntico em sua aldeia social, muitas pessoas se levantarão contra você com o intuito de desanimá-lo e desencorajá-lo. Mas fique tranquilo, essa será apenas uma prova fidedigna de sua evolução e não caberá nenhuma ação contrária, porquanto o perdão já desfaz o projeto desses seres endiabrados que existem apenas para perseguir a luz e dar absoluta força a escuridão.

4 – Ame profundamente aquilo que fizer: saiba apreciar suas funções diárias para que seu coração seja a única torre norteadora de suas expressões, criando linhas criativas e inovadoras por meio da maximização de suas riquezas interiores. Usando letras diferentes, faça de suas tarefas cotidianas oportunidades ímpares de felicidade, pois elas são aquilo que constituem o seu ser, de sorte que se suas atitudes forem positivas seus dias também serão: como um delicioso pão, dividido sabiamente em duas saborosas e inigualáveis fatias.

5 - Seja acessível e se importe piamente com as pessoas: mostre para os outros que você é alguém que existe para dar esperança e motivação para o mundo, regenerando aqueles que andam negativados e metamorfoseando aqueles que andam apatizados. Mas, lembre-se: não faça nada esperando recompensas futuras, porque nada é mais ultrajante do que praticar a caridade por interesses avarentos e/ou sociais.

Estamos nessa terra para evoluirmos e vencermos nossos medos, ajudando uns aos outros na eterna busca pela otimização dos nossos entendimentos. Que possamos então, equilibrar nossas forças por meio da conexão com os nossos pares, vencendo as adversidades e ao mesmo tempo contribuindo para o crescimento do amor no mundo: como brilhosas estrelas que não cansam de cintilar e interatuar no céu estrelado do amanhã.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento