A Empregabilidade Hoje

Há dez anos, quando as empresas contratavam, o próprio programa DO, treinava o funcionário da forma que desejava, e na maioria das vezes esse profissional não vinha pronto.

Se a pessoa tinha o perfil adequado, o mesmo era inserido ao programa de treinamento, onde a missão, os valores era passados e o mesmo sentia-se comprometido com os ideiais da empresa.

Observando o mercado hoje, a exigência as vagas são com muito tempo de serviço. Mas, há poucos sendo admitidos e quando o são muitos não tem a "cara" da empresa. E a prestação de serviços é feita de tal forma que dá vontade de perguntar: Então, o que está fazendo ai?

Será que não é isso que está faltando, para se ter mais "empregos" ou pessoas "empregadas", mais compromisso em atender aos clientes internos e externos com excelência.

O fast food que importamos para nossas vidas esta ficando muito abrangente e exigimos missão pronta, perfil pronto..., será que não temos que voltar um pouquinho no tempo e rever os valores corporativos, e ver que funcionário queremos para estar ao nosso lado. Um descartável do tipo que assim que eu arranjar um emprego melhor... ou Se houver muitas vantagens...

Enfim, missão valores, qualidade na prestação de serviços, qualidade de vida, desenvolvimento profissional e pessoal, essas são frases que aprendemos em sala de aula, mas, porque na prática tudo é tão inreal.

Ao olhar o curriculo das pessoas devemos nos perguntar:

_Que tipo de pessoas estão desempregadas?

_Que tipo de vagas estão sendo oferecidas? como estão sendo oferecidas?

Oportunidade real é o que todos querem.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento