A CRENÇA DE QUEM FAZ ACONTECER

Você conhece a história do homem que tinha a crença de que era um defunto? É isto mesmo, um defunto! Ele já tinha sido atendido pelos melhores especialistas e persistia nessa crença maluca. Até que um dia ...

A CRENÇA DE QUEM FAZ ACONTECER

Você conhece a história do homem que tinha a crença de que era um defunto? É isso mesmo, um defunto! Ele já tinha sido atendido pelos melhores especialistas e persistia nessa crença maluca. Até que um dia, o seu médico teve uma idéia brilhante e aconteceu o seguinte diálogo:


- Quer dizer então que o senhor é um defunto, não é mesmo? perguntou o médico.
- É isso mesmo dotor, eu sou um defunto.


- Então me responda: defunto sangra?

- Ora dotor, todo mundo sabe que defunto não sangra!
- Nesse caso, o senhor me permitiria fazer uma experiência?
- Sim dotor, mas do que se trata?
- É simples: posso fazer um furinho no seu dedo?
- Pode sim, dotor, disse o homem.

O médico então pegou um alfinete e fez um pequeno furo no dedo, que naturalmente, sangrou. E, vendo isso o paciente disse: - Nossa! não é que defunto sangra!

É triste, mas a crença dele é de que é um morto vivo e não precisaria ser assim.
Já faz tempo que tenho feito coro com inúmeros outros escritores e palestrantes aqui do Brasil e mundo afora, em afirmações como:

- Você pode conquistar seus sonhos;
- Não importa de onde você vem, e, sim, o que está disposto a fazer para chegar aonde quer;
- Vale a pena viver e trabalhar para realizar a sua missão na vida: a minha é inspirar pessoas e a sua, qual é?
Faça acontecer.

Há quatro verbos que o empreendedor precisa saber conjugar corretamente: sonhar, querer, executar e persistir.
Perguntei a uma pessoa o que vinha a sua mente quando ela pensava nestes verbos. A resposta foi:
- Sonhar: Bem, sonhar eu sonho, mas só tenho pesadelos.
- Querer: Há, isso sim, tem muitas coisas que eu quero.
- Executar: Só de pensar já dá uma canseira.
- Persistir: bem, eu jogo na loteria toda a semana, né.

É, há os que agem como se defuntos fossem. E, quando você tenta reanima-los e incentiva-los a vislumbrar novas possibilidades, o rotulam de sonhador: teimam na crença que defunto sangra. Pensando bem, no caso deles, isso é verdade, não é?
Mas não no seu: você está vivo 100%.
Então, conjugue os verbos assim:

Sonhar - Eu sonho, dando asas a imaginação e com os pés firmes no chão: busco oportunidades, satisfação financeira e auto-realização.

Querer - Eu quero, e me comprometo porque os meus sonhos valem a pena.

Executar - Eu executo, com planejamento e eficiência porque é a minha ação que transforma os sonhos que tenho em realidade.

Persistir - Eu persisto, com autoconfiança e responsabilidade porque assim supero os desafios do caminho. Atento aos objetivos que tracei e flexível para efetuar ajustes quando necessário.

Lembre-se: Independente das circunstâncias, sempre há aqueles que realizam enquanto outros nada fazem ou só reclamam. Você pode alcançar mais da vida. A hora é agora: vá em frente e faça acontecer.
------

Roberto Vieira Ribeiro (www.motivacaoeresultados.com.br) é palestrante e consultor especialista em motivação e vendas, com foco em resultados. Ou seja, no aumento da performance, produtividade e qualidade das vendas dos seus clientes. É autor da série de CDs Motivação & Resultados, do vídeo 'Sua equipe vai render mai$' e do audiocurso A Venda Passo a Passo I, II e III, entre outros.

*Este texto é um dos temas de suas palestras e treinamentos.
Contatos: roberto@motivacaoeresultados.com.br / (41)3026-1414 / 272-3260

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.