A Complexidade e as Organizações

O pensamento complexo liga o conhecimento das partes ao conhecimento do todo. O intelectual francês Edgar Morin coloca que é igualmente impossível conhecer o todo sem conhecer as partes, e conhecer as partes sem conhecer o todo.

O pensamento complexo liga o conhecimento das partes ao conhecimento do todo. O intelectual francês Edgar Morin coloca que é igualmente impossível conhecer o todo sem conhecer as partes, e conhecer as partes sem conhecer o todo. Dessa premissa, surgem duas conclusões que são, também, igualmente válidas:

1. O todo é mais que a soma das partes (princípio da emergência
); e
2. O todo é menos que a soma das partes (princípio da imposição).

O pensamento complexo está baseado nesses dois princípios. O primeiro ocorre quando, por exemplo, um grupo se reúne para discutir determinado assunto. Das discussões costumam surgir idéias novas que anteriormente não haviam ocorrido a nenhum dos participantes. O todo se torna maior que a soma das partes. O segundo princípio ocorre, por exemplo, em um coral. Por maior que seja a potência da voz de seus integrantes, eles devem controlá-las, restringi-las, para que se adaptem ao todo. Nesse caso, o todo é inferior à soma das partes.

A abordagem da complexidade se aplica a qualquer objeto de observação: de organismos micro celulares aos sistemas planetários. De um modo geral, sua proposta é a complementaridade e a transacionalidade entre as concepções linear (reducionista) e "holística" (sistêmica).

É possível aplicar a complexidade à vida organizacional?
Perfeitamente. O próprio Morin exemplifica essa situação. Uma empresa situa-se em um mercado. Produz objetos ou serviços que saem dela e entram no universo de consumo. Ao produzir objetos e serviços, a empresa se autoproduz produz todos os elementos necessários à sua sobrevivência e organização. A complexidade surge nesse enunciado: aquele que produz coisas produz ao mesmo tempo a si próprio; o produtor é o seu próprio produto.

E em relação à sociedade e à vida pessoal?
Da mesma forma. Por exemplo: a sociedade é produzida pelas interações dos indivíduos que a constituem. É, ao mesmo tempo, um todo organizado e organizador a própria sociedade retroage para produzir os indivíduos por meio da educação, linguagem e escola. Desde a infância, a sociedade se imprime como totalidade na mente humana, por meio da educação familiar, escolar e universitária. Em suas interações, os indivíduos produzem a sociedade, e esta produz os indivíduos que a produzem.

Os seres humanos conhecem o mundo através dos sentidos. O mundo está presente em nossa mente, a qual, por sua vez, está presente no mundo.

A complexidade se aplica a tudo. Estamos diante de sistemas extremamente complexos, nos quais a parte está no todo e este está nela. Não existem de um lado o indivíduo, do outro a sociedade. Os processos são inseparáveis e interdependentes.



Referências bibliográficas:


MORIN, Edgar. O Método I: a natureza da natureza. 2ª ed. Porto Alegre: Sulina, 2003.

_________. A complexidade e a empresa. On-line em < http://www.geocities.com/pluriversu/empresa.html> (02/2005)

MARIOTTI, Humberto. Reducionismo, "holismo" e pensamentos sistêmico e complexo: suas conseqüências na vida cotidiana. On-line em < http://planeta.terra.com.br/saude/oconsultorio1/holismo.htm> (02/2005)



Comentários

Participe da comunidade, deixe seu comentário:

Deixe sua opinião!  Clique aqui e faça seu login.
    Leandro Vieira

    Leandro VieiraAdministrador Premium

    Leandro Vieira - CEO e fundador do Administradores.com. É Mestre em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, certificado em Empreendedorismo pela Harvard Business School e MBA em Marketing, pelo Instituto Português de Administração e Marketing. Graduou-se em Administração de Empresas pela UFPB e em Direito pelo UNIPÊ. Foi professor da Escola de Administração da UFRGS. Em 2011 recebeu o Prêmio Honra ao Mérito em Administração, e em 2015 o Troféu Jubileu de Ouro, ambos pelo Conselho Federal de Administração como homenagem e agradecimento pelos serviços prestados à profissão.

    café com admMinimizar