Café com ADM
#

4 Growth Hacks para potencializar o seu programa de indicação

Você quer crescer o seu negócio. Você poderia gastar mais dinheiro com publicidade, mas quem quer continuar dando todo seu dinheiro ao Google e ao Facebook?

"A primeira coisa que você precisa saber sobre programas de indicação é que precisa ser uma situação vantajosa."

Você quer crescer o seu negócio.

Você poderia gastar mais dinheiro com publicidade, mas quem quer continuar dando ao Google e ao Facebook todo seu dinheiro?

Se você pudesse fazer isso de graça ou pagando barato, você não iria preferir isso?

Eu sei que eu prefiro.

Olá pessoal, eu sou Neil Patel e hoje eu vou compartilhar com vocês como vocês podem crescer os seus negócios com programas de indicação.

A primeira coisa que você precisa saber sobre programas de indicação é que precisa ser uma situação vantajosa.

Você não pode simplesmente esperar que as pessoas indiquem mais clientes para você se não tem nenhum benefício.

Olhe o Dropbox.

Eles são um dos ótimos exemplos de incríveis programas de indicação, certo?

Eles usam growth hacking.

Como eles fazem isso?

Bom, o que o Dropbox fez foi... Se você indicar mais pessoas, você recebe mais espaço de armazenamento.

Você está usando o Dropbox para conseguir mais espaço de armazenamento, então, porque você não indicaria mais pessoas para conseguir mais espaço de armazenamento?

É uma situação vantajosa.

Isso é muito melhor do que pagar 5 ou 10 dólares para eles por mês, não é?

E eles deixam até mesmo fácil onde você pode indicar outras pessoas com um tweet,
com um link no e-mail, o que quer que seja.

Eles deixam tão simples para você que você não vai fazer mais nada a não ser indicar mais pessoas.

A segunda coisa que você deve fazer é configurar um software de programa de indicações.

Então ao invés de criar um programa de indicações do zero, digamos que você é um site de e-commerce, você pode usar soluções existentes como a ReferralCandy.

E tem várias delas por aí.

Você pode simplesmente pesquisar no Google programas de indicação e você vai ver uma lista completa deles.

E os que nós gostamos, especialmente se você for um e-commerce, são ferramentas como a ReferralCandy, porque ela simplesmente deixa tudo simples ligar e usar, e dessa forma você não precisa gastar muito com desenvolvimento.

A terceira coisa que você precisa saber sobre os programas de indicação, e isso é o que a maioria das pessoas não entendem corretamente, é que ele tem que estar no onboarding, no qual no momento que você consegue que uma pessoa fazer algo, normalmente é logo quando elas se cadastram para o seu produto ou serviço.

É por isso que no Facebook, quando você está se cadastrando, eles ficam tipo: "Ei, se conecte com os seus amigos ou convide mais amigos".

Eles pegam você logo aí quando está se cadastrando.

Esse é o melhor lugar para começar a colocar

ou a testar o seu programa de indicação.

Por último, mas não menos importante, o seu programa de indicação tem que fluir com o seu produto ou serviço e tem que ser integrado com eles.

Por exemplo, se você chegar ao limite do espaço de armazenamento no Dropbox, ele vai ficar tipo: "Ei, se cadastre para o pago ou indique mais pessoas".

E se você quiser pagar, ótimo, vá e pague.

Mas se quiser indicar mais pessoas você pode e isso é o que cria uma situação vantajosa.

Então siga essas quatro dicas.

Você vai ter mais pessoas se cadastrando a partir dos seus clientes compartilhando a experiência deles com o seu negócio.

É simples assim.

ExibirMinimizar
CEO Outllok, A era da liderança resiliente. Confira os Resultados.