10 ações necessárias para desempregados conquistarem seu emprego

Os índices de desemprego no Brasil estão alcançado números cada vez mais elevados nos últimos anos. Por causa do período de instabilidade econômica as empresas estão demitindo inclusive profissionais altamente qualificados. E você, que perdeu seu emprego, o que deve fazer?

Antes uma situação enfrentada apenas por trabalhadores que apresentavam poucos resultados , hoje o desemprego é uma realidade mesmo para os profissionais mais competentes e qualificados. Seja pela contenção de despesas, seja pela redução de pessoal, o motivo é o que menos importa. A demissão é um fato que precisa ser enfrentado com inteligência para que o profissional possa se reposicionar no mercado de trabalho.

O que fazer? Eu já havia escrito um artigo sobre empregabilidade aqui no portal Administradores intitulado "O que aprendi com o quarto melhor headhunter do Brasil", que apresenta dicas de Bernt Entschev. Lá eu mostro o que é necessário para garantir seu emprego. Nesse novo artigo, compartilho as 10 ações necessárias para desempregados conquistarem seu emprego.

1. Inicie imediatamente seu novo emprego

Você deve estar pensando: "Como assim? Estou desempregado". Discordo! Na minha visão,você está empregado na missão de encontrar um novo emprego. Isso, para mim, é um trabalho. Você precisa agir ativamente com muita disciplina e profissionalismo, até mesmo para provar se é realmente bom. "Mas não vou receber nada por isso?" Nobre colega, mesmo que você consiga um emprego formal agora, será necessário um mês de trabalho para o primeiro salário entrar na sua conta. Então, comece a trabalhar até encontrar a melhor alternativa de emprego para você.

2. Elabore um planejamento com planos de ação

Quanto melhor for o seu planejamento, maiores são as possibilidades de êxito. Coloque no papel as empresas potenciais, as pessoas que você conhece, o salário desejado, enfim, todas as informações necessárias para projetar a sua jornada. Configure suas ações em planos de ação estruturados pela ferramenta 5w2h.

3. Estabeleça metas

Defina uma meta para você começar a trabalhar em um novo emprego formal. Escreva a sua meta no papel. Quando você escreve uma meta suas chances de alcançá-la aumentam em 60%, com relação as não escritas. Elabore no formato SMART, ou seja, sua meta deve ser específica, mensurável, alcançável, relevante e temporizável. É importante ressaltar que temporizável quer dizer dia, mês e ano. Colocando uma data específica para estar empregado seu cérebro se programará para direcioná-lo a atingir a meta. Defina também metas semanais (ou até diárias), tais como, 10 contatos por semana ou 2 contatos por dia.

4. Comunique deliberadamente as pessoas

Deliberado significa de propósito, com uma intenção e uma comunicação só acontece quando o receptor compreende a mensagem. Então comunicar deliberadamente não significa simplesmente dizer as pessoas que você está procurando um emprego. Pelo contrário. Você precisa argumentar sobre o seu valor, suas características e suas funções. Por isso, ao invés de passar essa informação por redes sociais prefira fazê-lo conversando diretamente (pessoalmente ou por telefone). Aliás, jamais diga que está desempregado, diga que está se reposicionando no mercado.

5. Prefira reuniões e visitas a envio de currículos

Você realmente acha que enviando seu currículo para as empresas aumentam suas chances de contratação? Esqueça isso. Envie currículo apenas quando solicitado para tal. Se ninguém pedir, ninguém lerá seu currículo. As visitas pessoais são preferíveis porque conversando você apresentar o seu valor. Não limite suas conversas à empresa, descubra onde almoça o(a) recrutador(a) da empresa que você deseja trabalhar e converse com ele(a) lá.

6. Participe ativamente de eventos e apareça

Qualquer cidade oferece eventos gratuitos, geralmente organizados por associações comerciais e empresariais. Considere esses acontecimentos como oportunidades para você demonstrar seu valor. Para tanto, não apenas compareça, mas também conheça pessoas, faça perguntas aos palestrantes e expresse o seu profissionalismo. Também não limite suas participações a eventos ligados a sua área, escolha situações em que haja bastante público.

7. Faça trabalhos voluntários

Outra oportunidade para demonstrar seu profissionalismo e seu valor é participando de trabalhos voluntários. Além de ajudar as pessoas, você também passa a exercer uma função que pode lhe conduzir a um emprego formal.

8. Publique conteúdos de valor

Use a internet para publicar artigos, textos e infográficos relacionados a sua área de atuação. Essa produção intelectual pode colocar você em uma situação de destaque, com relação aos demais profissionais. Imagine o presidente de uma empresa curtindo e comentando seu artigo, por concordar com o seu posicionamento. É meio caminho andado, não é?

9. Contrate um coach de carreira

Investir em um coach de carreira lhe trará resultados não somente porque ele vai ajudar você a encontrar seu emprego, mas também porque você se desenvolverá pessoalmente e profissionalmente passando por um processo de coaching. O coaching costuma transformar a vida das pessoas, então vale o investimento.

10. Comece agora

Deixe de procrastinar. O melhor momento de começar é agora. Siga as 10 instruções e avalie os resultados de cada ação. Faça acontecer! Mantenha-se informado sobre as oportunidades de emprego, mas também convença as empresas que elas precisam de você.

ExibirMinimizar
aci institute 15 anos compartilhando conhecimento